História do Rope Skipping

De acordo com Sato (2002, p. 4 e 5)

Em 1969, o norte-americano Richard Cendali, nesse tempo jogador de futebol americano, ao cumprir parte de seu treinamento em que deveria pular corda por um longo período de tempo - o que considerava monótono e cansativo, começou a inventar novas maneiras de tornar seus treinos mais agradáveis, explorando diferentes manejos para brincar e saltar com a corda.

Sendo professor de Educação Física em uma escola infantil, Cendali decidiu ensaiar suas ideias nas aulas de Educação Física Escolar aplicando-as com seus alunos, os quais gostaram tanto que ajudaram-no a criar outros novos saltos e truques, usando cordas grandes e pequenas.

Com os estimulantes resultados obtidos, Cendali investiu na formação de um grupo para realizar apresentações em seu próprio país e pelo mundo afora. Três anos mais tarde, estava fundado o primeiro grupo de RopeSkipping, chamado Skip Its, que permanece até hoje com a mesma denominação e alguns de seus primeiros integrantes.

SATO, Ana. Rope Skipping: uma nova modalidade esportiva. 2002. 

Benefícios que o Rope Skipping traz a quem pratica

  • Toda a família pode praticar;
  • Pratique em qualquer lugar;
  • Melhora do equilíbrio;
  • Desenvolve a Coordenação Motora;
  • Elimina calorias – Alto gasto calórico;
  • Melhora a aptidão cardiovascular;
  • Aumenta o tônus muscular;
  • Aumenta a Densidade óssea;
  • Melhora a compreensão de nossos talentos e dons;
  • Aumenta a força muscular sobretudo de membros inferiores.
we.digi - agência digital
Copyright © 2019 Todos os direitos reservados: Pé de Mola - Rope Skipping